UFC Vegas 4: Dustin Poirier e Dan Hooker dão show e fazem provável luta do ano

UFC Vegas 4 aconteceu na noite de sábado (27) e foi o quarto evento consecutivo no complexo APEX do UFC. Evento principal da noite foi um show a parte e Dustin Poirier sai vencedor de uma das melhores lutas do ano.

Dustin Poirier se recupera de derrota e volta a vencer no UFC. (Foto Divulgação UFC)

Sábado (27) aconteceu o quarto evento do UFC em Las Vegas, em seu complexo com octógono construído especialmente para eventos sem a presença de público e o evento principal roubou a cena pois se tratou de uma das melhores lutas dos últimos anos e potencial luta do ano de 2020.


Dustin Poirier que chegou a disputar o cinturão da categoria em setembro de 2019 contra Khabib Nurmagomedov retornou ao octógono após longa pausa e enfrentou um dos mais promissores atletas da categoria, Dan Hooker. O combate foi programado para ter cinco rounds porém poucos esperavam que a luta durasse tudo isso por se tratar de dois atletas nocauteadores que preferem manter a luta em pé e foi exatamente isto o que aconteceu, uma verdadeira guerra por parte de ambos lutadores.


Durante os cinco rounds parecia que a qualquer momento um dos dois poderiam ser nocauteados devido a disposição de ambos em manter o combate em pé e buscar sempre aquele golpe que sacramentasse o resultado.


Ao final do combate ambos atletas se cumprimentaram em sinal de grande respeito a trajetória de ambos na categoria mas ficou claro que durante o combate Dustin Poirier ocasionou mais dano ao adversário inclusive conseguindo boas transições nos raros momentos em que a luta foi para o chão.


Desta maneira Dustin Poirier deu a volta por cima e venceu por decisão unanime dos árbitros do combate.


Algumas opções surgem para a próxima luta de Poirier como uma possível luta contra Tony Ferguson que definiria o próximo desafiante para o vencedor de Khabib Nurmagomedov e Justin Gaethje que deve acontecer em agosto deste ano.


Confira os resultados do UFC Vegas 4:


CARD PRINCIPAL

Dustin Poirier venceu Dan Hooker por decisão unânime (48-47, 48-47, 48-46); Mike Perry venceu Mickey Gall por decisão unânime (29-28, 29-28, 29-28); Maurice Greene venceu Gian Villante por finalização aos 3m44s do terceiro round; Brendan Allen venceu Kyle Daukaus por decisão unânime (29-28, 29-27, 30-27); Takashi Sato venceu Jason Witt por TKO aos 48s do primeiro round; Julian Erosa venceu Sean Woodson por finalização aos 2m44s do terceiro round.

 

CARD PRELIMINAR

Khama Worthy venceu Luis Peña por finalização aos 2m53s do terceiro round; Tanner Boser venceu Philipe Lins por nocaute 2m41s do primeiro round; Kay Hansen venceu Jinh Yu Frey por finalização aos 2m26s do terceiro round; Youssef Zalal venceu Jordan Griffin por decisão unânime (29-28, 29-28, 29-28).

0 visualização

​​​​© 2020 desenvolvido por Market21 Comunicação - Todos os direitos reservados