UFC 247: Jon Jones e Valentina Shevchenko colocam seus cinturões em jogo

Com direito a duas disputas de título, UFC 247 promete ser um dos maiores cards do primeiro semestre de 2020. Jon Jones e Valentina Shevchenko são os francos favoritos para seus combates. Números de Jones impressionam.

UFC 247 contará com as duas primeiras defesas de cinturão do ano (Foto Reprodução UFC)

No próximo sábado (08) acontece o UFC 247 com duas disputas de cinturão na mesma noite. Este será o primeiro evento numerado do ano e dois campeões que dominam suas respectivas categorias entram em ação para comprovar seus favoritismos nas bolsas de apostas, Valentina Shevchenko enfrenta Katlyn Chookagian pelo peso mosca feminino e pelo evento principal da noite Jon Jones encara o invicto Dominick Reyes pelo cinturão da categoria peso meio pesado do evento.


Valentina Shevchenko vs Katlyn Chookagian

Valentina Shevchenko, campeã da categoria Peso Mosca Feminino (Foto Reprodução UFC)

Com um cartel de 17 vitórias e 3 derrotas na carreira Shevchenko é vista como favorita para o combate devido ao seu alto poder de nocaute na categoria peso mosca. Mesmo com uma envergadura menor que sua adversária e uma diferença de 10 cm de altura a lutadora do Quirguistão acumula nocautes assustadores em seus últimos combates dentro do UFC.


Os números favorecem a atual campeã que mesmo tendo uma quantidade de golpes conectados por minuto inferior a Katlyn Chookagian, sua precisão e potência superam a de sua adversária.


A campeã possui uma média de 3.02 golpes conectados por minuto contra 4.28 por parte da adversária, porém a porcentagem destes golpes serem significativos são de 49% a 32% respectivamente. Isso demonstra a precisão e potência por parte de Valentina Shevchenko que também supera sua adversária no quesito golpes absorvidos por minuto. Shevchenko possui uma média de 2.16 contra 4.68 por parte da desafiante.


Pelos números cedidos por parte do UFC podemos notar que a campeã além de ser mais precisa em seus golpes, usa sua movimentação para evitar ser atingida com a mesma frequência que suas adversárias e isso faz toda a diferença enquanto a luta se mantém em pé levando suas adversárias a procurar novos caminhos para a vitória como a luta agarrada, mas se engana quem pensa que a luta agarrada é o ponto fraco da campeã.


Com uma impressionante porcentagem de defesa de quedas (77%) e uma média superior de quedas aplicadas (1.94 por combate), Valentina Shevchenko domina os números comparativos com sua adversária até na média de finalizações.


Difícil imaginar um resultado diferente de outra vitória de Shevchenko no sábado mas se tratando de UFC, nada é impossível.


Jon Jones vs Dominick Reyes

Jon Jones, Maior peso meio pesado da história do MMA (Foto Reprodução UFC)

O melhor lutador peso por peso do UFC e maior peso meio pesado da história entra em ação pelo evento principal da noite contra o invicto Dominick Reyes, desafiante ao cinturão.


Jon Jones está indo para sua 13° defesa de cinturão enquanto seu desafiante vai para sua 13° luta em toda sua carreira e sua primeira luta pelo cinturão. A diferença de experiência entre os lutadores é gigante com Jon Jones tendo um cartel de 24 vitórias e apenas 1 derrota por desclassificação contra um cartel impecável de 12 vitórias e nenhuma derrota por parte de Dominick Reyes.


Ambos lutadores possuem a mesma altura porém a envergadura do campeão supera a de seu desafiante assim como o alcance de suas pernas o que pode dar uma vantagem na trocação em pé para Jon Jones. Com um equilíbrio impressionante entre ambos na parte da trocação cabe ao campeão explorar sua superioridade na luta agarrada para neutralizar a maior arma de seu adversário.


Comparando os números de ambos nota-se que em relação a golpes conectados por minuto o desafiante supera o campeão com impressionantes 5.05 golpes por minuto contra os 4.31 de Jones mas nos quesitos golpes significativos e na defesa de golpes, o campeão supera seu desafiante mas não por muito. São 57% de golpes significativos por parte de Jones contra 52% por parte de Reyes e uma média de 65% de defesa de golpes contra 58%.


Números que mais favorecem Jon Jones são os que abrangem a luta agarrada onde o campeão ostenta uma defesa de quedas impressionante (95%) contra (85%) de seu adversário porém a superioridade de Jones se dá quando comparamos a média de quedas aplicadas e a precisão destas quedas. Jones possui uma média de 1.9 contra 0.4 em tentativas de quedas durante 15 minutos (3 rounds) e a precisão delas também o favorece, com 46% de sucesso em suas tentativas contra 16%.


Jon Jones possui números impressionantes quando comparado a todas categorias e lutadores do UFC o que o coloca como um dos maiores de todos os tempos. Jones lidera os quesitos:


- Campeão mais jovem do UFC (23 anos e 242 dias)

- Mais defesas de cinturão na categoria meio pesado (10)

- Mais vitórias na categoria meio pesado (19)

- Maior sequência de vitórias no meio pesado (13)

- Mais golpes significativos na história do meio pesado (1359)

- Melhor aproveitamento de defesa de quedas na história dos meio pesados (95%)


Jon Jones é franco favorito para a disputa de cinturão devido a sua experiência e números impressionantes e em caso de mais uma vitória podemos enfim ver o campeão mais dominante da história subir de categoria e enfrentar alguns peso pesados como Stipe Miocic, Daniel Cormier e até Francis Ngannou.


O UFC 247 acontece sábado (08) e terá transmissão do Canal Combate.



22 visualizações

​​​​© 2020 desenvolvido por Market21 Comunicação - Todos os direitos reservados