São Paulo F.C/Barueri é campeão paulista de Vôlei

Equipe venceu também o jogo de volta, diante do Osasco-Audax, e assegurou seu primeiro título estadual

Foto: Rubens Chiri


O São Paulo F.C./Barueri é o novo campeão paulista de voleibol feminino, Divisão Especial. A equipe, que havia vencido o primeiro jogo do playoff final contra o Osasco-Audax, em seu ginásio, voltou a surpreender o vice-campeão do ano passado. Marcou nesta sexta (8), de virada, 3 sets a 2, parciais de 22/25, 20/25, 26/24, 25/22 e15/11, em 2h13, em Osasco, fechando a série melhor de dois jogos por 2 a 0.


O São Paulo F.C./Barueri, do técnico José Roberto Guimarães, foi o grande destaque da reta final da competição, eliminando as duas melhores equipes da primeira fase: Sesi Vôlei Bauru, na semi, e Osasco-Audax na decisão, graças ao conjunto e determinação do jovem time, que não se abalou em decidir os jogos na casa dos adversários.


Para o técnico José Roberto Guimarães, a vitória sobre o Sesi Bauru na semifinal, teve um peso decisivo para esta conquista. “Se a gente chegasse na semi, já seria um resultado muito importante. Tínhamos perdido em casa para o Bauru por 3 a 0, mas com placares muito próximos. Para avançar à final, teríamos que ganhar duas vezes, no jogo e no Golden Set. E mesmo enfrentando o time que fez a melhor campanha no Paulista, vencemos por 3 a 0 e também o set desempate, na casa delas. Um time com jogadoras jovens, com 50% do elenco que ainda atua na nossa base, um feito destes diante do Sesi, candidato a ser campeão da Superliga, é histórico”, disse o treinador, que também enalteceu o poder de recuperação de seu time nesta série final.


“Aí, conseguimos bater o Osasco em casa por 3 a 0 e aqui saímos perdendo por 2 a 0 e conseguimos a virada, onde acontece outro milagre, vencemos o quinto set e ganhamos o Campeonato Paulista na casa delas, acredite se quiser. Sou são-paulino e tenho o maior orgulho de ter conquistado este título. Só tenho a agradecer a oportunidade de estar treinando estas meninas, agora com a camisa do São Paulo Futebol Clube”, afirmou.


Vestindo a camisa de Osasco desde os 19 anos, Camila Brait fez questão de enaltecer a torcida local. "Os torcedores estão do nosso lado, sempre, seja na alegria ou na tristeza. E hoje foi uma prova disso. Não deixaram de nos apoiar em nenhum momento, mesmo quando o resultado tão esperado não veio. Agora é seguir em frente, porque semana que vem já tem estreia na Superliga. Vamos trabalhar muito para fazer esses maravilhosos torcedores voltaram a sorrir", declarou a líbero.

1 visualização

​​​​© 2020 desenvolvido por Market21 Comunicação - Todos os direitos reservados