Rio Open confirma convite para Thiago Monteiro na chave principal

Brasileiro jogará ao lado de Thiem, Berrettini, Schwartzman e Coric na sétima edição do maior torneio da América do Sul

Foto: Divulgação/Fotojump


O terceiro convite da chave principal do Rio Open foi anunciado nesta sexta-feira (10) para o cearense Thiago Monteiro, tenista número um do Brasil. A sétima edição do maior torneio de tênis da América do Sul, que acontece de 15 a 23 de fevereiro no Jockey Club Brasileiro, agora tem dois brasileiros garantidos na chave principal. O paulista Felipe Meligeni, campeão da Maria Esther Bueno Cup, também jogará a competição.

Melhor brasileiro ranqueado, a carreira de Monteiro está ligada ao Rio Open. Na edição de 2016, o cearense viu a ascensão de sua carreira acontecer no Jockey Club após derrotar o francês Jo-Wilfried Tsonga, na época top 10, na primeira rodada, sendo responsável pela maior surpresa da história do ATP 500. No torneio, Monteiro tem como melhor resultado as quartas de final em 2017.


Atual 87º do mundo, Monteiro teve uma boa temporada em 2019, tendo conquistado três títulos nos challengers de Punta del Este, Braunschweig e Lima e se firmando entre os 100 melhores do mundo. O cearense espera aproveitar a oportunidade para dar um próximo passo na carreira.


"Fico muito feliz por estar na chave do Rio Open, com esse convite. O torneio faz parte da minha história. Era a minha primeira chave de ATP e já de cara ganhei de um top 10, em 2016, depois fiz quartas-de-final e esse ano quero romper esta barreira. Espero conseguir aproveitar a oportunidade e, com o apoio do público, ir em busca de mais um grande resultado", disse Monteiro.


Monteiro é o terceiro convidado do torneio. Além dele e de Felipe Meligeni, o prodígio espanhol Carlos Alcaraz, atleta da IMG, também estará na chave principal do Rio Open. Os brasileiros e o espanhol se juntam ao forte line-up da edição de 2020 do Rio Open, que foi anunciado por completo na última terça-feira (7). O torneio contará com destaques do tênis mundial. Com os top 10 Dominic Thiem (4º do mundo) e Matteo Berretini (8º), e grandes nomes como Diego Schwartzman (13º), Borna Coric (28º) e Fernando Verdasco (49º), o ATP 500 carioca promete tênis da melhor qualidade para os amantes do esporte.


Com a confirmação de Monteiro, restam seis vagas na chave principal do Rio Open. Quatro delas são de tenistas que sairão do qualifying, que acontece nos dias 15 e 16 de fevereiro. O último convite é reservado para tenistas da lista A+ da ATP, além de uma vaga de special exempt, que é destinada a jogadores que não puderem disputar o qualifying por ainda estarem em ação em outro torneio. Caso essas duas últimas não sejam solicitadas, serão preenchidas por alternates.


“O Thiago ficou fora da chave principal e apesar de ter grandes chances de entrar direto é merecedor desse convite que assegura a participação dele. Ele já fez grandes jogos no Rio Open e esperamos que ele volte a brilhar nas quadras do Jockey Club esse ano,” disse Luiz Carvalho, Diretor do Rio Open.

0 visualização

​​​​© 2020 desenvolvido por Market21 Comunicação - Todos os direitos reservados