Judô: Brasil não conquista medalhas no World Masters 2019

Brasileiros não conquistam pódio mas pontuam bem na última competição do ano. David Moura e Suelen Altheman disputaram bronze mas ambos terminaram em quinto lugar. Foco principal continua sendo os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020.

Worlds Masters 2019 aconteceu em Qingdao, China (Foto Reprodução IJF)

Terminou neste último sábado (14) o Worlds Masters 2019 em Qindgao na China, torneio que reuniu os 36 melhores judocas em cada categoria ao redor do mundo no que será o último grande torneio do ano e também a última oportunidade de pontuar bem para o ranking mundial.


Os melhores resultados do país foram dois 5° lugares em disputas de bronze e um 7° lugar por parte de Beatriz Souza.


David Moura lutou na categoria (+100kg) e chegou na disputa do bronze neste último sábado (14) mas acabou sendo derrotado e não chegou a medalhar da mesma maneira que a brasileira Suelen Altheman (+78kg) que chegou a disputa de medalha e acabou com o mesmo destino do compatriota porém ambos pontuaram bem para o ranking mundial tendo em vista que um quinto lugar no Masters rende quase a mesma pontuação que uma medalha de prata em Grand Prix.


Beatriz Souza medalhista de bronze no último Grand Prix do ano em Osaka (Japão) lutou bem no Masters mas após duelo equilibrado foi desclassificada com três punições e terminou em 7° lugar na categoria (+78kg).


Foco dos atletas segue sendo os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 onde o Brasil busca novos recordes após grande ano para o Judô brasileiro.


Confira Resultados de outros brasileiros (Fonte CBJ):


Gabriela Chibana (48kg): conseguiu um waza-ari contra Katharina Menz (GER), mas sofreu o ippon na primeira rodada. 

Larissa Pimenta (52kg): Sofreu três punições na primeira luta diante da francesa Astride Gneto, que conquistou o bronze.

Aléxia Castilhos (63kg): Caiu para a chinesa Jing Tang por ippon na primeira luta.

Ketleyn Quadros (63kg): Parou em Geke Van Den Berg (NED), por ippon, na primeira luta. 

Maria Portela (70kg): Não passou por Gemma Howell (GBR) na estreia. 

Mayra Aguiar (78kg): Levou três punições na luta contra a sul-coreana Jeongyun Lee. 

Felipe Kitadai (60kg): Estreou com vitória sobre Adonis Diaz (USA), mas caiu nas oitavas diante de Sharafudin Lutfillaev (UZB)

Phelipe Pelim (60kg): Venceu Whenzi Liu na primeira luta e parou em Gusman Kyrgyzbayev (KAZ) nas oitavas. 

Eric Takabatake (60kg): Perdeu para o mongol Unubold Lkhagvajamts na primeira luta. 

Daniel Cargnin (66kg): Perdeu para Ziyang Xue, da China, na estreia. 

Eduardo Yudy (81kg): Não passou por Anri Egutidze (POR), na primeira rodada. 

Rafael Macedo (90kg): Parou em Komronshokh Ustopiryon (TJK) na estreia. 

Leonardo Gonçalves (100kg): venceu o russo Kiril Denisov, por ippon, na estreia, mas parou no israelense Peter Paltchik, nas oitavas. 

Rafael Buzacarini (100kg): Não passou pelo campeão mundial Jorge Fonseca na primeira luta. 

Rafael Silva (+100kg): Venceu Aliaksandr Vakhaviak (BLR), na estreia, e parou no vice-campeão olímpico Or Sasson, de Israel, nas oitavas.  



4 visualizações

​​​​© 2020 desenvolvido por Market21 Comunicação - Todos os direitos reservados