Handebol do Egito é heptacampeão africano e Brasil vai a Pré-Olímpico

Atualizado: Jan 28

Conquista egípcia dá chance para a seleção brasileira masculina lutar por vaga em Tóquio/2020

Foto: Divulgação


O Egito se sagrou heptacampeão do Campeonato Africano de Handebol masculino na tarde deste domingo (26) ao derrotar a anfitriã Tunísia, por 27 a 22, na final disputada na cidade portuária de Ràdes. Além do título, o Egito conquistou a vaga direta nos Jogos Olímpicos de Tóquio/2020 e abriu uma vaga para o Brasil disputar o Pré-Olímpico Mundial em abril.


O Brasil corria o risco de ficar fora da Olimpíada do Japão. Em agosto do ano passado, a seleção perdeu a chance de se classificar ao ser surpreendida pelo Chile na semifinal do Pan-Americano de Lima: perdeu por 32 a 29 e, pela primeira vez em sete edições do Pan, não se classificou para a final. A Argentina faturou o ouro no Pan de Lima e assegurou a vaga direta, após derrotar o Chile na final. Vice-campeões, os chilenos também terão de brigar por vaga no Pré-Olímpico.


O Pré-Olímpico será disputado na Noruega e contará com, além dos anfitriões, Chile e Coreia do Sul, valendo duas vagas nos Jogos Olímpicos.


Quem também assegurou vaga em Tóquio/2020 neste domingo (26) foi a seleção da Espanha, que bateu a Croácia por 22 a20, conquistando o título ainda inédito no Campeonato Europeu de Handebol masculino.

Campeonato Centro-Sul Americano

Com vitória apertada por 25 a 24, a Argentina derrotou o Brasil na final do Campeonato Sul-Centro Americano de Handebol, disputado na noite de sábado (25), na cidade de Maringá, no Paraná. As duas equipes chegaram invictas à decisão do título. Com o triunfo, os hermanos, atuais campeões pan-americanos, conquistaram o título e, de quebra, garantiram presença no Mundial do Egito em 2021 - assim como a seleção brasileira.


Fonte: EBC - Agência Brasil

5 visualizações

​​​​© 2020 desenvolvido por Market21 Comunicação - Todos os direitos reservados