Brasil fecha dia com 2 ouros e 1 bronze na Universíade de Verão

Ainda restam mais 2 dias de competições e Brasil já superou número de medalhas da última Universiade


Crédito: Thiago Parmalat / CBDU

Na 29ª Universíade de Verão, realizada em Taipei, o Brasil conquistou um total de 12 medalhas, com a participação de 214 atletas e 15 modalidades. A 30ª edição nem terminou e já ultrapassou esse número, fechando o dia com 15 medalhas, com a presença de 116 e 7 modalidades, ou seja, a metade dos números se comparados com 2017.


Nos 400m com barreiras, Alison dos Santos, que estará no Pan Americano de Lima, conquistou o ouro, fechando a prova em 48s57, um índice olímpico e 5ª melhor marca mundial do ano, de acordo com o treinador Neilton Moura. “Vim aqui para ser campeão e buscar o ouro. Ninguém vem para ficar em segundo ou terceiro. Na qualificação e semifinal, fiz de tudo para me poupar ao máximo. Deu certo”, disse o atleta.


Os medalhistas dos 100m, Rodrigo do Nascimento e Paulo André, buscaram vaga na final de hoje em prova disputada em 3 séries que classificam os 2 primeiros de cada uma diretamente e os outros dois melhores tempos. Paulo André chegou à final e conquistou o ouro. Rodrigo foi desqualificado por pisar na raia interna.


A terceira medalha do dia aconteceu no Taekwondo, com a atleta Bárbara Novaes. A taekwondista conquistou o bronze na categoria – 62kg no ginásio Palazzeto Sport, em Casoria. Bárbara ganhou três lutas até chegar na semifinal, em que enfrentou a russa Iuliia Turutina. A brasileira levou um forte chute na cabeça e quis continuar a luta, mas não conseguiu parar a russa que venceu e avançou na chave.


Futebol faz história

No futebol, a seleção entrou para a história como o primeiro time a chegar numa final de Universíade. O melhor resultado do país na modalidade foi a medalha de bronze – a última em 2011. Agora, a equipe espera o resultado entre Itália x Japão para saber quem enfrenta na final, que acontece sábado (13), às 16h (horário de Brasília). O jogo será transmitido pela ESPN 2.


Outras provas do atletismo

Durante a manhã desta quinta-feira (11), Matheus Américo realizou a fase eliminatória dos 800m. Ele venceu sua série com 1.51.05 e está classificado para a semifinal de amanhã (12).

A fase eliminatória dos 110m com barreiras também aconteceu hoje. Paulo Henrique (Lolinho) e Gabriel Constantino, que bateu o recorde Sul Americano há dois dias, buscaram vaga na semifinal, que será realizada na sexta-feira (12). Eles precisavam estar entre os 3 primeiros de suas séries ou entre os outros 4 melhores atletas das 4 séries disputadas. Gabriel Constantino venceu sua série com 13.58 (segundo melhor tempo geral) e está classificado para a semifinal de amanhã. Paulo Henrique, segundo em sua série, também se classificou para a semifinal.


Na final do salto com vara, a atleta Juliana Campos, agora com seu próprio material, entrou na disputa por um lugar no pódio, conquistando a 5ª colocação, mesmo tendo a mesma marca da 3ª colocada.

6 visualizações

​​​​© 2020 desenvolvido por Market21 Comunicação - Todos os direitos reservados