Brasil faz jogo duro, mas perde para a China na Copa do Mundo de Vôlei

Seleção brasileira feminina foi superada por 3 sets a 2 em partida disputada na cidade de Sapporo, no Japão

Foto: Divulgação/FIVB


A seleção brasileira feminina de vôlei fez uma grande partida na madrugada deste domingo (22) contra a China pela Copa do Mundo. O Brasil lutou durante cinco sets, mas foi superado pelas atuais campeãs olímpicas por 3 a 2 (25/23, 23/25, 22/25, 25/19 e 15/9), em 2h05 de jogo, em Sapporo, no Japão. O time verde e amarelo tem três vitórias e três resultados negativos na competição.


A equipe do treinador José Roberto Guimarães voltará à quadra à 0h30 (horário de Brasília) desta segunda-feira (23) contra a República Dominicana.


O Brasil aparece em sexto lugar na classificação geral, com nove pontos. A China lidera, com 17 pontos, seguida pelos Estados Unidos, com 15. As norte-americanas ainda jogarão com o Japão neste domingo no encerramento da rodada. A Rússia está em terceiro, com 13 pontos, e a Holanda em quarto, também com 13, mas com uma derrota a mais que as russas. A Sérvia é a quinta colocada, com nove pontos, mas um saldo de sets melhor do que as brasileiras.


A ponteira Gabi brilhou no confronto contra China e foi a maior pontuadora entre as brasileiras, com 20 pontos. A central Mara, com 17, e a oposta Lorenne, com 16, também tiveram boas atuações. Pelo lado da China, destaque para central Yuan e a ponteira Zhu, com 26 pontos cada.

Ao final do confronto, Gabi fez uma análise da partida e destacou a atitude das brasileiras contra China.


“Apesar da derrota estou muito orgulhosa do nosso time. É difícil jogar contra a China. Hoje é um dos melhores times do mundo e tem a Zhu fazendo a diferença em momentos importantes. Nossa equipe teve uma atitude completamente diferente na partida e cresceu bastante. Tivemos agressividade no ataque e todo mundo conseguiu jogar bem. Conseguimos um ponto importante. Agora teremos uma sequência de cinco jogos e vamos em busca dessas vitórias”, afirmou Gabi, que também falou sobre o duelo desta segunda-feira contra a República Dominicana.


“Sabemos que o jogo contra a República Dominicana será difícil e vamos precisar manter a mesma postura e energia que tivemos na partida de hoje”, disse.


O treinador José Roberto Guimarães também chamou a atenção para a entrega das brasileiras no duelo contra a China. “Do início ao fim do jogo nossa equipe teve uma outra atitude. Estou orgulhoso da maneira que jogamos os cinco sets. A China é a atual campeã olímpica e tem um grande time. Espero que amanhã contra a República Dominicana tenhamos a mesma postura em quadra”, comentou.

0 visualização

​​​​© 2020 desenvolvido por Market21 Comunicação - Todos os direitos reservados