Beatriz Ferreira leva o ouro no Mundial de Boxe Feminino

Pugilista brasileira obteve título inédito para o Brasil no Mundial da categoria, que foi disputado na Rússia

Foto: CBBoxe


Beatriz Ferreira firmou seu nome da história do Boxe do Brasil e se tornou, neste domingo (13), a melhor boxeadora do mundo da categoria leve (até 60kg). O feito aconteceu após uma vitória incontestável contra a chinesa Cong Wang, no Campeonato Mundial de Boxe Feminino da Rússia.


Além dessa impressionante conquista, disputando com as melhores 226 boxeadoras de 56 países, Beatriz Ferreira foi eleita a melhor atleta da competição.


Bia se tornou campeã mundial após mais uma linda luta. Contra uma adversária muito mais alta, a brasileira lutou com muita atenção na defesa, desferindo precisos cruzados de esquerda, fortes diretos e uma perfeita movimentação no ringue.

A chinesa simplesmente não encontrou Bia no ringue. Suas tentativas de reação apenas provocavam respostas imediatas e muito mais efetivas da brasileira. Após três anos de seleção brasileira, pelo menos 25 competições internacionais no currículo, 24 pódios, dias e noites de preparação, Bia escreveu seu nome na história da nobre arte no Brasil.

Com esses resultados, o Brasil encerra sua participação em mundiais neste ano com duas medalhas. A primeira veio dos punhos de Hebert Conceição que conquistou o bronze no Mundial, também disputado na Rússia. Agora, Beatriz Ferreira, mostra por que é uma das melhores boxeadoras do mundo e tem todas as chances de trazer muitas alegrias para o esporte brasileiro nos Jogos Olímpicos de Tóquio/2020.




0 visualização

​​​​© 2020 desenvolvido por Market21 Comunicação - Todos os direitos reservados