Alison dos Santos fica em 7º lugar no Mundial nos 400 m com barreiras

O atleta de apenas 19 anos baixou o recorde continental de sua categoria duas vezes


Foto: Wagner Carmo/CBAt

Alison dos Santos obteve um bom resultado para o Brasil na última segunda-feira (30/9), no quarto dia de competições do Mundial de Atletismo de Doha, Catar, ao terminar na sétima posição nos 400 m com barreiras em 48.28, sua melhor marca pessoal e recorde sul-americano sub-20.


O paulista de São Joaquim da Barra, de apenas 19 anos, melhorou novamente o seu tempo - havia feito 48.35 na semifinal de sábado (28/9), no Estádio Internacional Khalifa. Foi a sétima vez que o jovem barreirista fez sua melhor marca pessoal no ano.


Alison, que tem apelido de Pio, correu entre atletas consagrados, três sub-47 na prova. A final dos 400 m com barreiras era uma das mais esperadas do dia, pela presença do campeão mundial e número dois da história, o norueguês Karsten Warholm (46.72), do norte-americano Ray Benjamin, quarto na história (46.98), e do ídolo local Abderrahman Samba (46.98 é sua melhor marca). Eles confirmaram o favoritismo: ouro para Warholm (47.42), prata para Benjamin (47.66) e bronze para Samba (48.03).


A marca desta final de Doha - 48.28 - confirma Alison em primeiro lugar no Ranking Mundial Sub-20 e em sétimo no adulto. 


"Estou muito feliz com a o resultado e a competição que eu fiz, mas saio daqui com um gostinho de quero mais. A atmosfera é incrível, a maior competição que participei de minha vida. Saio feliz, mas sei que poderia ter feito melhor", disse.


Alison (Pinheiros) fez uma mudança na técnica da prova com o seu técnico Felipe de Siqueira ao diminuir para 12 passadas a corrida entre a quarta e a quinta barreiras.


"Acabei errando um pouquinho no final num campeonato que é cansativo, de três 'tiros' de alto nível. A mudança foi gratificante, tanto que melhorou a nossa marca, mas ainda tenho muito o que trabalhar."


O atleta preferiu não fazer projeções para os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020.


"Eu vou viver ano por ano, temporada por temporada", afirmou.

0 visualização

​​​​© 2020 desenvolvido por Market21 Comunicação - Todos os direitos reservados